Doce de Coco e o início do 2º semestre

O longa Doce de Coco inicia o segundo semestre com intensa programação. Conheça as cidades que verão o filme no mês de julho.

No circuito itinerante do projeto Cinema Para o Povo Sem Tela, viabilizado através do FUNCULTURAL, Doce de Coco será apresentado em julho nas seguintes cidades: Lages, Chapecó, Timbó, Treviso, Antônio Carlos e Treze Tílias. Os três últimos municípios substituem as cidades de São Miguel do Oeste, Concórdia e Urubici, que não atenderam às necessidades do projeto.

E no âmbito nacional, após ser lançado em São Paulo, capital, o filme passou pelas cidades de Monte Alto, Ituverava, Miguelópolis, Amparo, Presidente Epitácio, Ubatuba, Porto Ferreira, Itápolis, Leme, Taquaritinga e Pirajui. Essas cidades participam do projeto Vá ao Cinema, da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo. O projeto leva o cinema brasileiro para estudantes e pessoas sem acesso ao lazer cultural, atraindo muito público, como vem acontecendo com Doce de Coco.

A partir de 2 de julho, o filme chegará ao Rio de Janeiro, nas cidades de Búzios e Valença. Nesse mesmo dia, será lançado em Salvador, Bahia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *